2018, o ano das esquerdas posíbeis en América Latina

- Katu Arkonada

O ano que comeza vai ser fundamental para determinar se se consegue remontar e consolidar o ciclo progresista na rexión, ou a vella-nova dereita avanza posicións e conquista máis espazos de poder, neste caso algún dos seis gobernos que serán electos durante os próximos 12 meses

Pistas para um Brasil pós-golpe

- Samuel Pinheiro Guimarães

A luta entre esses dois projetos para o Brasil é a luta entre o projeto de Temer e Meirelles que é o projeto dos setores mais tradicionais das classes hegemônicas e mais vinculados aos interesses das classes hegemônicas das Grandes Potências, e de outro lado, o projeto dos setores mais avançados das classes tradicionais, em aliança com as forças sindicais trabalhadoras, e setores modernos da classe média

Catalunya: Despois do 155, que vai pasar?

- Albert Noguera

Despois do 155, o conflito catalán recomeza con maiores potencialidades de ruptura que antes. Ante este fracaso da solución xudicial e represivo, necesariamente se debe abrir unha solución política como en Escocia ou o Quebec

Alemaña: cara a unha folga indefinida na industria

- Ed Ouri

A lección central desta loita crecente consiste na maior combatividade da clase obreira alemá, e iso non para defender unhas conquistas, senón para obter novas. Así, salta á vista que o aumento salarial mellorará o poder adquisitivo e redistribuirá a riqueza a favor dos traballadores e traballadoras

Como e por que defender as pensións públicas?

- Antolín Alcántara

A verdadeira razón do estado financeiro actual das pensións son as políticas de acoso e derruba do sistema contra as prestacións públicas. Todo sucede co propósito de alimentar o sistema privado e proporcionar un negocio suculento para a Banca

As terríveis alternativas para a Itália

- David Broder

O parlamento italiano foi dissolvido em 28 de dezembro, sendo então convocadas as eleições gerais de 4 de março de 2018. Se as indicações das disputas regionais recentes e das pesquisas estiveem corretas, os democratas, que hoje governam em aliança com pequenos partidos de centro, poderão ter uma derrota histórica.

Bitcoins, sonho de consumo dos anarco-capitalistas

- Doug Henwood

Deixando de lado seus empreendedores e especuladores, que querem apenas enriquecer, a visão política do Bitcoin é de um mundo descentralizado e sem Estados, com sistemas monetários em competição. Dinheiro competitivo, que acaba com o monopólio do Estado na área, é há muito o sonho da direita

O sentido do traballo nunha sociedade sustentábel

- John Bellamy Foster

A crise universal do noso tempo necesita unha época de cambio revolucionario intransixente; un destinado a aproveitar a enerxía humana para o traballo creativo e socialmente produtivo nun mundo ecoloxicamente sustentábel e substantivamente igualitario. Ao final, non hai outro xeito de concibir unha prosperidade verdadeiramente sustentábel

A nova fórmula de cálculo do IPC e a perda de poder adquisitivo

- Clodomiro Montero

No ano 2017 comezou a aplicarse un novo modelo de cálculo do IPC (Índice de Prezos ao Consumo). É un indicador que en moitos convenios serve de referencia para pactar a suba dos salarios, polo que o movemento sindical debería estar máis vixiante e avaliar calquera cambio na formula de cálculo impulsado por Madrid e Bruxelas.

O que é que aconteceu à semana de trabalho de 40 horas?

- David Rosen

Fez em 2017 duzentos anos uma das reivindicações históricas do movimento operário: a semana de trabalho de 40 horas. Dois séculos passados, tanto a semana como a jornada de trabalho poderiam ser muito inferiores ao que foi então reivindicado. Mas o que se verifica não é a redução mas o aumento. O capitalismo vai-se apossando não apenas das horas de trabalho, mas de todas as horas da vida das pessoas.


Quizais quixo dicir:

Acontece

< Xaneiro 2018  
Lun Mar Mér Xov Ven Sáb Dom
1 2 3 4 5 6 7
8 9 10 11 12 13 14
15 16 17 18 19 20 21
22 23 24 25 26 27 28
29 30 31        
Próximos acontecementos
Actualmente non hai eventos próximos